Nota: achei este texto em arquivo com data de 2002/02/24. Lembro-me bem dessa reunião. Os princípios nele mecionados continuam válidos hoje.

Toda a igreja

de Randal Matheny

Ontem, vinte e seis irmãos se reuniram no Hotel Urupema e por mais de sete horas dedicaram-se a estudos e debates sobre o trabalho da igreja em São José dos Campos. Este evento ocorreu porque segue um padrão diferente do que o das religiões humanas. Estas obedecem as ordens de líderes, os quais estabelecem regras de como e quando serão feitas as coisas.

No Novo Testamento, toda a igreja deliberava sobre o seu trabalho. Quando algumas viúvas da igreja em Jerusalém foram negligenciadas na distribuição diária de alimentos, os doze apóstolos não tomaram as decisões nas próprias mãos, mas “reuniram todos os discípulos” para trabalhar na solução (At 6.2, NVI).

Em outra ocasião, alguns ensinavam dentro da igreja a obrigação da circuncisão. Paulo, Barnabé e outros chegaram de Antioquia a Jerusalém para tratar deste problem, já que foi de lá que surgiu o ensinamento. A Bíblia diz que “os apóstolos e os presbíteros, com toda a igreja, decidiram escolher alguns dentre eles e enviá-los a Antioquia com Paulo e Barnabé” (At 15.22a).

Paulo instruiu que o imoral fosse entregue a Satanás “quando vocês estiverem reunidos em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, (…) estando presente também o poder de nosso Senhor Jesus Cristo” (1Co 5.4-5). Toda a igreja se envolve também na correção e disciplina espiritual.

A missão da igreja em São José dos Campos é ser fiel a Cristo, ir ao Vale do Paraíba e mostrar a verdade aos perdidos, usando todos os meios possíveis para trazê-los a Cristo.