Irmãos.org

A família de Deus na RMVale, e além

Estudos bíblicos

Prefácio aos quatro evangelhos

Nota: Este prefácio, escrito pelo irmão americano, James McFerrin, foi traduzido do seu trabalho que é postado diariamente no nosso site em inglês, Forthright Fellowship Room. Não temos intenção no momento de traduzir toda a série do irmão, mas traduzimos este início para incentivar o seguimento no site acima. Usamos o serviço de tradução DeepL com revisão nossa.

Oito anos atrás, comecei a postar estudos bíblicos diários para contatos por e-mail e Facebook. Estes estudos cresceram a partir de uma série de aulas bíblicas que dei há vários anos na congregação State Line, entre Fayetteville, TN e Huntsville, AL. Para aqueles que têm acompanhado estes estudos ao longo dos anos, bem-vindos a um estudo cronológico repetido do Novo Testamento. Nossa jornada através do Antigo Testamento terminou quando nos levou à vinda do Salvador prometido. Espero que os estudos que se seguem continuem a beneficiar-lhes à medida que expandimos o nosso conhecimento das Escrituras.

Lucas 1.1-4; João 1.1-18

A Bíblia é composta de duas grandes divisões, o Antigo Testamento e o Novo Testamento. No início do Antigo Testamento, somos informados sobre a criação dos céus, da terra e de todos os seres vivos na terra (incluindo o homem).

Quando o homem começou a povoar a terra, ele se tornou muito pecador. Na verdade, ele era tão pecador que Deus decidiu destruir sua criação por um dilúvio gigantesco. Entretanto, Noé e sua família, que eram justos, tiveram a oportunidade de se salvar, construindo uma arca para resistir à tempestade.

Muitos anos depois, Deus falou a Abrão (Abraão) e PROMETEU que ele seria o pai de uma grande nação e que através da sua semente todas as nações da terra seriam abençoadas. Esta PROMESSA foi renovada a seu filho, Isaque, e a seu neto, Jacó. O nome de Jacó foi mudado para Israel e ele se tornou o chefe das 12 tribos da nação israelita (hebraica), um povo especial de Deus.

Os israelitas aumentaram em número e se encontraram na escravidão na terra do Egito. Deus apareceu a Moisés numa sarça ardente e o persuadiu a levá-los para fora do Egito. Depois de uma série de pragas, Faraó, rei do Egito, permitiu que os hebreus partissem para uma terra que Deus lhes havia prometido.

Durante 40 anos de andanças pelo deserto, antes de entrar na Terra Prometida, Deus estabeleceu suas leis para governar a nação israelita. Os Dez Mandamentos foram dados neste tempo e se tornaram o fundamento do que é conhecido como a Lei de Moisés. Esta Lei esteve em vigor até o início da Era Cristã.

O restante do Antigo Testamento relata as ascensões e quedas dos israelitas, pois eles se tornaram quentes e frios em sua obediência a Deus. Os profetas foram enviados por Deus para advertir o povo sobre as consequências de desobedecê-lo e para lhes transmitir uma PROMESSA muito importante.

Jesus, o Filho de Deus, foi-nos apresentado por Mateus, Marcos, Lucas e João, os escritores dos Evangelhos que levam seus nomes.

Deixe uma resposta

Theme by Anders Norén