Do nordeste vem essa poesia, bem apropriada para o Dia do Trabalhador, de um irmão que respira poemas como o resto de nós respira o ar.

 A VIDA DE UM OBREIRO

Nem sempre é compreendido
Mas, por certo, ele é muito criticado
Tem gente que tapa os ouvidos
Quando um está ao seu lado.
Foi assim com Jesus
O nosso Senhor e Salvador
A vida de um obreiro reflete a luz
Um bom exemplo, sim, senhor.
Cuida do bem mais preciso
Que o Deus Pai criou
Paz, amor, perdão, sabedoria e fé são os seus ensinos
Submissão a Cristo Jesus, O Senhor.
Agradeço de coração
Pelo servo trabalhador
Que prega a salvação
E o puro e verdadeiro amor.
Todo trabalhador é digno
Do salário, fruto do seu suor
No verso faço o registro
Do trabalhador que vive desatando o nó.
Agora vou ampliar
O tema que levantei
Obreiro eu vou contar
Somos, nós, homens e mulheres, que fazemos o trabalho com amor e respeito à lei.
Trabalhador do Brasil
Na terra, no ar e no mar
Parabéns, por sua garra varonil
E a missão nobre e espetacular.

—Ricardo Santos Santos, Recife PE