“Amor”, 41, é o grande termo da aliança, chêsêd, muitas vezes traduzido como “misericórdia” ou “benignidade”. Refere-se às atitudes e bênçãos de Deus conforme seu compromisso assumido ao povo na aliança. Bom resumo para tais atitudes é “salvação” ou “livramento”.

A ação de Deus serve como base para a resposta do salmista aos que o insultam, 42. Ele confia na palavra poderosa e reveladora de Deus.

Aos nossos ouvidos, o pedido do v. 43 soa estranho, mas ele pede que Deus não deixe acontecer o que devia ser para o salmista um grande medo: perder a palavra da verdade. Ou, como verte a NLTH: “Ajuda-me a falar sempre a verdade”.

Os verbos dos versos 44, 45 e 46 estão no tempo futuro. Ele consegue ver o que fará, pois colocou sua esperança nas ordenanças de Deus, 43. Lembremo-nos de que a palavra de Deus não é apenas informação a ser assimilada, mas também capacitação a ser recebida e demonstrada. Assim nestes verbos ele não expressa arrogância na capacidade própria, mas sim confiança na proximidade divina.

Alcança a verdadeira liberdade na busca dos preceitos de Deus, 45. Estes não apertam, mas sim libertam.

Nenhuma autoridade humana o intimida, pois ele fala dos testemunhos de Deus, 46.

Amor pelos mandamentos suscita nele o amor por eles, 47, e o leva a louvar ao seu autor, 48. Quem ama pensa sempre no alvo do seu amor e assim o autor medita constantemente na palavra do Senhor.


Refletir

Como usar a palavra de Deus, as Escrituras, nas suas respostas às pessoas?

Qual o perigo na sua vida de perder, ou deixar de falar, a palavra da verdade?

Você fala com igual firmeza sobre o que fará, tendo a mesma confiança na palavra poderosa de Deus? Se não, o que precisa mudar para poder falar assim?

Orar

Senhor, que eu nunca deixe de falar e de viver a palavra da verdade. Que eu esteja sempre preparado para usá-la nas minhas colocações.

Obrigado pela liberdade na minha vida que é produzida pela obediência aos seus mandamentos. Ajude-me sempre a guardá-los.

Pai, quero meditar cada vez mais na sua palavra, para ter a confiança, a segurança e a liberdade que ela me oferece. Dê-me maior amor e prazer nela.