Não se pode agradar a todos, nem adianta tentar. Importante é agradar a Deus, não acha?

• Do serviço de frases bíblicas curtas oferecido pelo Twitter, hoje de manhã escrevi: “Apesar de todo esforço para se identificar com seus ouvintes, eles ainda podem se ofender com o evangelho, Atos 22.1-24”. Um assinante do serviço respondeu assim: “Mas isso não é desculpa para não apresentar-lhes toda a verdade. Temos de orar para que Deus abra seus corações e mentes ao Senhor”. Ao que observei: “Com certeza! Fale a todos, mas esteja preparado para alguns ficarem ofendidos. Foi este meu ponto. Obrigado pelo comentário!”

• Conforme a referência acima, Paulo fez de tudo para conectar com seus ouvintes judeus. Dirigiu-se a eles na língua aramaica. Chamou-os de irmãos, termo comum entre judeus. Falou do zelo que tinha ele, como eles também zelavam pela lei. Ajeitou seu sermão para os ouvidos deles. Mas uma coisa ele não podia esquivar-se de falar: o evangelho também para gentios. Na hora de falar “gentio”, ele perdeu a causa. E quase a vida.

• Ao contar-lhes a respeito da sua conversão — a segunda de três vezes no livro de Atos — ele cita a famosa pergunta de Ananias: “E agora, que está esperando? Levante-se, seja batizado e lave os seus pecados, invocando o nome dele” (22.16). É urgente obedecer a Deus, porque a vida é incerta e curta, e porque Cristo pode voltar a qualquer momento. Não dá pra demorar. Quem demora corre grande risco de perder a alma. Você está demorando para seguir Jesus?

O versículo acima é um de muitos que mostram a conexão entre a imersão na água, em nome de Cristo, e a salvação, conexão essa que é inegável. Só que muitos negam mesmo. Até entre nós, tem gente que acha que descobriu novas verdades, que não são nada além de velhas mentiras. Mas isso não é desculpa para eu e você negarmos a verdade.

• Saulo entendeu e obedeceu. E começou a testemunhar do que tinha visto e ouvido, como fez neste capítulo 22 de Atos. Que tenhamos o mesmo espírito que ele.