Nota: Este artigo é extraído de um artigo sobre falsos mestres, publicado ontem pelo irmão Roy Davison, que trabalha há décadas na Bélgica.

Quando se considera os milhares de pregadores e sacerdotes no mundo, é óbvio que a maioria deles não está falando por Deus, porque eles ensinam coisas conflitantes.

Um homem que batizei começou a ler a Bíblia porque sacerdotes na sua própria igreja estavam ensinando coisas contraditórias.

Ele reagiu assim: “Já que os sacerdotes estão falando coisas diferentes, vou ler a Bíblia por mim mesmo. O que a Bíblia diz certamente será certo”.

A primeira vez que eu o conheci, ele disse: “Não sei para onde isso me levará, mas estou decidido a fazer o que a Bíblia diz”.

Pensei comigo: “Se ele realmente estiver sério, ele se tornará um cristão”. E ele se tornou.

Nós já decidimos fazer o que a Bíblia diz?

A palavra de Deus nos dá as condições de distinguir entre a verdade e o erro.